[ editar artigo]

Que tipo de empreendedor é você?

Que tipo de empreendedor é você?

Quando pensei em escrever sobre isso, qual o perfil do empreendedor, passei um bom tempo imaginando como iria abordar essa questão e, de que forma, iria demonstrar a relevância disso para você que está lendo esse texto.

Essa análise é muitas vezes deixada de lado ou até relegada ao esquecimento por parecer uma conversa de auto-ajuda. Contudo, é indispensável você saber a resposta para essa pergunta! Através dessa resposta você compreenderá muito melhor de que forma você contribui e atrapalha seu próprio empreendimento, empresa, projeto ou startup. Ao compreendermos nosso perfil, motivação e limitações, fica clara nossa capacidade de contribuição, as áreas onde precisaremos nos aprimorar e, principalmente, com que perfil de pessoas e habilidades precisamos nos associar. Como dizia minha avó, "andorinha só, não faz verão"!

Nenhum projeto se torna um sucesso baseado em uma única pessoa, precisamos de um time que seja capaz de realmente abraçar o projeto, o propósito e que tenha muita dedicação, resiliência e amor! Sim, AMOR, mas não apego!!

Para compreendermos melhor o papel de cada uma dessas características indispensáveis ao sucesso, explico abaixo cada uma delas:

1) Time ou bando: podem ser seus co-fundadores ou mesmo seus colaboradores, sendo que o que mais importa é estarem conectados ao propósito e serem comprometidos! São as pessoas com quem você quer compartilhar a vitória, ou ainda, mais relevante do que isso, se não chegarmos ao destino em quem gostaríamos de nos apoiar; 

2) Propósito: a razão de ser do que se está construindo, onde se quer chegar, o que se deseja transformar ou realizar;

3) Dedicação: também conhecida como empenho, comprometimento ou engajamento, demonstra o nível de envolvimento com o propósito; 

4) Resiliência: capacidade de continuar a despeito dos desafios, das dores, das dificuldades. Aquilo que te faz levantar e seguir quando nada mais parecer estar funcionando;

5) Amor: esse é o fio conector entre os 4 primeiro pontos, mas não impede que se cresça e se desenvolva, como é o caso do apego. Amor é o ingrediente que serve de ponte entre onde se quer chegar e tudo aquilo que seria necessário para fazê-lo. Normalmente, não está disponível, faz o papel de agente catalisador do propósito, time, dedicação e resiliência, potencializando o alcance que essa combinação pode produzir através do fator singular - pessoas.

Para complementar essa análise, abaixo você encontrará algumas das características e/ou condições que devem ser evitadas a todo custo:

1) "Eupresa": mais conhecida como "andorinha só". Você até pode e, muitas vezes acontece, de começar sozinho, contudo não se vai longe sem um bando, sem alguém para confrontar as idéias, discutir os processos, compartilhar as angústias e os sucessos;

2) Apego: nos impede de mudar, corrigir, ouvir aquilo que invalida nossas premissas, nos torna cegos e resistentes a mudança. Em última análise, é exatamente isso que nos impede de seguir em frente e evoluir.

Normalmente, é muito difícil fazer uma avaliação isenta para compreender de forma mais aprofundada nosso próprio perfil, principalmente no que se refere a nossas deficiências e características mais complicadas. Por essa razão, abaixo seguem dois links (português e inglês) de um dentre os vários testes gratuitos de personalidade disponíveis no mercado. Esse é um teste muito bom, sendo que a versão em inglês oferece um relatório mais completo. Faça o teste, esse ou algum outro que seja sério e relevante, para ajudá-lo a confrontar a realidade sobre você.

Links:

Em inglês: https://www.16personalities.com/

Em Português: https://www.16personalities.com/br

 

Depois que fizer o teste e avaliar seriamente seu posicionamento & comportamento em relação aos pontos mencionados acima, você certamente terá uma visão muito mais clara a respeito de quem é você, como está contribuindo para seu time e seu projeto, onde estão suas dificuldades e de quais perfis precisa. Feito isso, agora é confrontar a realidade quanto ao papel que você atribuiu a si mesmo nesse contexto, se tal papel de fato se encaixa contigo e se não existe ninguém melhor para exercê-lo.

Repita essa análise com frequência em relação a você e a seu time de co-fundadores, colaboradores e demais pessoas envolvidas. Afinal, só existe uma característica comum para todos os empreendedores de sucesso, chegar ao destino é maior e mais importante do que o ego pessoal de ser o líder !! Aqueles que não compreenderam isso, ainda que tenham chamado muita atenção na mídia, conseguido sucesso financeiro e aparentemente tenham se tornado "foda", sabem que falharam. Enquanto outros heróis desconhecidos, muitas vezes experimentam uma sensação de realização e de sucesso imensas, ainda que passem despercebidos.

Isso acontece porque empreender tem tudo a ver com criar uma transformação através da resolução de problemas, transgredir e ousar desafiar o status quo, mudar a vida dos outros para melhor, impactar, não guardando qualquer relação com ser conhecido, com aparecer nas mídias ou com o saldo na conta do banco.

The Business Change
Rodrigo de Alvarenga
Rodrigo de Alvarenga Seguir

Mentor, inovador, empreendedor, investidor, apaixonado por educação e professor. Membro de comunidades nacionais e internacionais focadas em empreendedorismo de alto impacto social & tecnológico, como Startup Grind, HIVE & Founder Institute.

Ler conteúdo completo
Indicados para você