[ editar artigo]

Transformação Digital Grupo Boticário

Transformação Digital Grupo Boticário

A transformação digital do Grupo Boticário, que foi pautada nos Pilares: Estratégia/Cultura/Execução, demonstrou claramente que para uma transformação digital de fato ser um sucesso, obrigatoriamente tem que passar pelas pessoas. Fica evidente que transformação não é apenas tecnologia, mas sim investimento nessa tecnologia que servirá de base para a verdadeira transformação das pessoas em busca da inovação.

No caso do Boticário, a estratégia da transformação direcionou a estruturação da mudança na dinâmica da empresa, bem como na cultura para que fosse possível todos trabalharem de forma muito mais colaborativa, mais eficiente e mais rápida, uma vez que são as pessoas as responsáveis por fazer acontecer a transformação, a qual obviamente está muito mais relacionada com as pessoas e os processos do que com a tecnologia em si. Nesse caso em específico, essa cultura de inovação, além da constante e assertiva comunicação, se tornou a chave para o sucesso.

Nessa jornada de transformação, cada Colaborador tinha responsabilidades pequenas que somadas ao todo, tornavam-se grandes. Com a transformação, a entrega passava a ser de ponta a ponta, ou seja, com o Colaborador fazendo parte da jornada de ponta a ponta, seja por entregas ou por formatação de Squads e com a cultura inteiramente voltada para a inovação.

O Grupo também investiu na diversidade como chave de sucesso da transformação digital, pois foi essa diversidade de pensamentos e de perspectivas que ajudou a formar times de Alta Performance, tornando possível essa transformação, através das pessoas.

O Grupo também apostou na comunicação eficaz e assertiva com seus Colaboradores, onde através de uma ferramenta interna, todos passaram a interagir entre si, proporcionando feedbacks constantes, bem como para manter a mentalidade dos times sempre direcionadas para a colaboração, inovação e com os objetivos e rotas de sendo de pleno conhecimento de todos. Com essa ferramenta, foi possível manter todo o time engajado e completamente envolvido na estratégia da empresa, com foco no cliente.

Um dos fatores, além das pessoas, e que fez grande diferença na transformação digital do Grupo Boticário foi a aquisição de empresas de e-commerce, que, principalmente com o “agente externo Covid” que acelerou o processo de transformação, ocasionando o fechamento repentino de várias lojas e que resultou num aumento significativo das vendas online.

O Grupo passou a utilizar os Canais Digitais como meio de interagir com todas as camadas de clientes, pois com a transformação digital, a tomada de decisão passa a ser pautada na experiência do cliente. Dessa forma, a evolução da transformação digital no Grupo Boticário passou a ser medida através da experiência do cliente, onde antes da transformação, a nota dada pelos clientes nos aplicativos do Grupo Boticário era pouco maior que ‘2’ e, após a transformação digital, passou a superar a nota ‘4’, demonstrando assim que o cliente reconheceu o valor da marca.

Sem dúvidas a tecnologia é fundamental para a jornada de transformação, mas muito mais como um meio do que como um fim. Afinal, no case do Boticário, fica evidente que sem o devido investimento nas pessoas (cultura e diversidade) e na estratégia do cliente como centro das decisões, jamais será possível obter êxito num processo de transformação digital.

The Business Change
Ler conteúdo completo
Indicados para você