[ editar artigo]

“Transformação Digital na Contabilidade”.

“Transformação Digital na Contabilidade”.

A transformação digital é o que está acontecendo com as organizações à medida em que adotam formas inovadoras de tratar e desenvolver seus negócios, influenciadas pelos crescentes avanços tecnológicos que estão “engolindo” os que não se adaptam a essa (r)evolução. A transformação nada mais é do que o processo de mudar algo usando ferramentas digitais com adoção de tecnologia e também - não menos importante - com mudanças culturais, para melhorar ou até mesmo substituir tudo o que já existia antes, impactando pessoas e/ou até mesmo um nicho de mercado inteiro. 

Como um bom exemplo e por experiência devido atuar neste mercado, cito o ramo de Contabilidade como tendo passado por uma extrema revolução tecnológica nos últimos anos. E quando falo em revolução tecnológica e de negócio em si, não é apenas sobre o pilar Tecnologia, mas também sobre a mudança de mindset que os contadores (até então, considerados tradicionais e conservadores) estão se obrigando a passar para que continuem competitivos frente às inúmeras empresas (principalmente Startups) que estão surgindo. 

Como mudar ou transformar uma área que é considerada tão “fechada”, onde os escritórios mais pareciam Bunkers detentores de toda a sabedoria contábil que aprisionavam o conhecimento e só o revelavam a preços altíssimos? Foi com esse desafio enorme que a transformação digital marcou duramente a mudança neste ramo de atuação e conseguiu desburocratizar os processos, abrindo a “caixa-preta” dos serviços prestados, até então muito engessados e burocráticos.  

A inovação na área foi puxada principalmente pela necessidade do mercado em atender clientes cada vez mais exigentes e que não mais permitiam aceitar qualquer coisa e/ou contratar os serviços que não dispunham de muita transparência. Além de terem que aceitar um serviço que não lhes dava a autonomia para obter as informações relevantes do seu negócio de forma rápida e eficiente, os serviços eram caros para o bolso das pequenas e médias empresas que já vivem no limite com uma alta carga tributária. 

Esse desejo de mudança e de transformação que os clientes demonstravam ter  foi o que desencadeou uma enorme onda para que esse mercado se reinventasse e conseguisse utilizar novas ferramentas, implantando tecnologia para focar no cliente e no que ele realmente desejava. De quebra, ainda foi possível reduzir consideravelmente os custos de operação e economizar tempo, tanto do Contador quanto dos clientes. 

Ao rever toda a trajetória percorrida neste mercado e pela transformação que passou, destaco principalmente alguns pontos chaves para o sucesso das iniciativas de transformação, que são: capacidade de engajar as pessoas a trabalharem de novas maneiras, sinergia de líderes e colaboradores para que as mudanças de fato ocorram, comunicação efetiva e foco em ser de fato disruptivo, em inovar e seguir a risca as estratégias e assim impactar o mercado e desburocratizar processos. 

Para alcançar tudo isso, é imprescindível  que as empresas tenham uma Cultura forte e que criem uma influencia positiva entre as equipes e colaboradores, fomentem e possibilitem que as pessoas possam ser ativas e criativas, e assim contribuam pensando de forma diferente e inovadora. 

Para seguir sempre à frente, tanto empresas quanto as pessoas necessitam hoje ter uma visão clara de que nada mais é estático, tudo muda o tempo todo e nós precisamos estar sempre na mesma sintonia, ter a flexibilidade para nos adaptar cada vez mais rápido a esse mundo incerto, volátil e complexo que estamos enfrentando nos tempos atuais. 

The Business Change
Ler conteúdo completo
Indicados para você