[ editar artigo]

Idealizar, validar, prototipar, lançar, tudo em 3 semanas, é possível?

Idealizar, validar, prototipar, lançar, tudo em 3 semanas, é possível?

  

Sim! É possível, e é isso que fazemos no European Innovation Academy

Formar um time, idealizar um produto, valida-lo, prototipa-lo, criar um plano de marketing, lançar e apresentar para investidores em três semanas, é possível? Sim, e é isso que fazemos no European Innovation Academy, um programa que reúne mais de 500 empreendedores de diferentes países para formarem equipes e passarem por todo o processo de concepção de uma startup em um curto espaço de tempo. Durante essas três semanas, eu e quatro outros estudantes (um médico e uma enfermeira portugueses, uma biomédica americana e um administrador turco) formamos o time que criou o MyfriendObi, um Chabot para melhorar a comunicação com crianças portadoras de doenças crônicas. Ele estimula o diálogo através de um aplicativo.

Nossa ideia foi concebida para atuar na área de Healthcare, como a maioria dos integrantes do grupo tinha algum tipo de background na área, foi natural irmos para esse campo. Pela experiência de alguns integrantes do time, sabíamos que muitas crianças com doenças crônicas podem ter dificuldade em se comunicarem com seus pais, professores, médicos etc… Com isso em mente, pensamos em um jeito de tornar essa comunicação mais efetiva e natural, assim surgiu o myfriendObi. O chatbot simula a doença da criança; ou seja: Obi tem os mesmos sintomas, os mesmos efeitos colaterais que a criança pode experimentar ao conviver com determinados tipos de doenças. O chatbot engaja em conversas com a criança quando ela quiser ou precisar, é um amigo disponível 24 horas por dia, trazendo tranquilidade para pais e médicos.

Nosso time não estava completo como muitos outros, não tínhamos um desenvolvedor, um designer e especialista em marketing. Mas sabe aquela história, de que a criatividade vem da necessidade? Mesmo sem termos todas as especialidades, nos esforçamos muito e trabalhamos duro e fomos criativos para suprir a falta de skills do grupo. O que posso dizer? Todo o esforço valeu a pena, nossa Startup chegou ao TOP 10, dentre 88 outras equipes e ganhamos dois prêmios: Nixon - Peabody Quinones Team Spark Award e o processo de Venture Builder da HAG.Group

Passei por várias experiências na minha vida, mas, talvez o European Innovation Academy tenha sido a mais intensa, até hoje. E o maior aprendizado para mim foi que não importa o tamanho do desafio, quando trabalhamos em equipe, com resiliência  e foco, tudo é possível. 

 VEJA TAMBÉM: A verdadeira recompensa em ser mentor - European Innovation Academy - EIA 

Startups

The Business Change
Giovanna Zeny
Giovanna Zeny Seguir

Head of Business Transformation na HAG. Mestranda em Adm pela UFPR, com ênfase em Inovação Aberta e Corporate Venture Capital. Alumni da European Innovation Academy e Alumni da Fundação Alexander von Humboldt, Alemanha.

Ler conteúdo completo
Indicados para você